. Phidias et mon doigt. Gazeta de Noticias, Rio de Janeiro, 2 out. 1894, p.1. - Egba

Phidias et mon doigt. Gazeta de Noticias, Rio de Janeiro, 2 out. 1894, p.1.

De Egba


Foi inaugurada ontem como grande sucesso a exposição geral de Belas Artes. A Gazeta pretende fazer a crítica dos trabalhos expostos, e mais uma revista cômica do Salon, publicando as caricaturas dos artistas e dos quadros.

Para que ninguém tenha o direito de queixar-se, esse trabalho não será feito só pelo nosso colega Belmiro; a todos os artistas e amadores será permitido atirar pedras... ilustradas ao telhado de vidro do seu vizinho. Assim, além do julgamento da crítica, que muitas vezes os artistas consideram mordaz e mal intencionada, os nossos artistas serão julgados pelos seus melhores amigos, os oficiais do seu ofício.

E como á tout seigneur tout honneur, damos hoje a caricatura de Rodolpho Bernardelli, o nosso grande escultor, feita por seu irmão Henrique [Henrique Bernardelli], que lá está brilhando no Salon com a sua estupenda Faceira. A divisa Phidias et mon doigt é uma adaptação à escultura Dieu et mon droit, de que servem ainda alguns representantes da realeza que vai cedendo o passo aos reis dos tempos modernos: homens de talento.


Digitalização e transcrição de Arthur Valle

Phidias et mon doigt. Gazeta de Noticias, Rio de Janeiro, 2 out. 1894, p.1.

Ferramentas pessoais
sites relacionados