. O SALÃO DE 1925. O "vernissage" de ontem na Escola de Belas Artes. Correio da Manhã, Rio de Janeiro, 12 ago. 1925, p. 2. - Egba

O SALÃO DE 1925. O "vernissage" de ontem na Escola de Belas Artes. Correio da Manhã, Rio de Janeiro, 12 ago. 1925, p. 2.

De Egba

(Diferença entre revisões)
Linha 7: Linha 7:
A exposição está instalada em cinco grandes salões da escola e o seu júri ficou assim constituído:
A exposição está instalada em cinco grandes salões da escola e o seu júri ficou assim constituído:
-
Pintura: professores Rodolpho Amoedo, [[Lucilio de Albuquerque]], [[Marques Junior]], [[Rodolpho Chambelland]] e Timotheo da Costa <nowiki>[</nowiki>[[João Timotheo da Costa]]<nowiki>]</nowiki>.
+
Pintura: professores Rodolpho Amoedo, Lucilio de Albuquerque, Marques Junior, Rodolpho Chambelland e Timotheo da Costa [João Timotheo da Costa].
-
Arquitetura: [[Gastão Bahiana]], [[Morales de los Rios]], [[Raphael Galvão]], [[Saldanha da Gama]] e [[Raul Pena Firme]].
+
Arquitetura: Gastão Bahiana, Morales de los Rios, Raphael Galvão, Saldanha da Gama e Raul Pena Firme.
-
Gravura em medalhas e escultura: [[Corrêa Lima]], [[Augusto Girardet]], [[Petrus Verdier]], [[Modestino Kanto]] e [[Magalhães Corrêa]].
+
Gravura em medalhas e escultura: Corrêa Lima, Augusto Girardet, Petrus Verdier, Modestino Kanto e Magalhães Corrêa.
-
Artes aplicadas: [[Nereu Sampaio]], A. Memória, [[Adalberto Mattos]] e Corrêa Lima.
+
Artes aplicadas: Nereu Sampaio, A. Memória, Adalberto Mattos e Corrêa Lima.
-
Gravura e litografias: [[Modesto Brocos]], [[B. Traidler]] [sic], Adalberto Mattos e Nereu Sampaio.
+
Gravura e litografias: Modesto Brocos, B. Traidler [sic], Adalberto Mattos e Nereu Sampaio.
Para o prêmio de viagem, há, este ano, apenas seis concorrentes, que são, em pintura [[Sarah Villela de Figueiredo]], [[Cadmo F. de Souza]], [[Garcia Bento]] e [[Armando Martins Vianna]], e em gravura de medalhas e pedras preciosas, [[Jorge Soubre]] e [[Francisco Gomes Marinho]].
Para o prêmio de viagem, há, este ano, apenas seis concorrentes, que são, em pintura [[Sarah Villela de Figueiredo]], [[Cadmo F. de Souza]], [[Garcia Bento]] e [[Armando Martins Vianna]], e em gravura de medalhas e pedras preciosas, [[Jorge Soubre]] e [[Francisco Gomes Marinho]].

Edição de 23h05min de 30 de Setembro de 2010

Como sói acontecer anualmente, houve, ontem, o “vernissage” da 32a. Exposição Geral de Belas Artes, que será oficialmente inaugurada hoje, à 1 hora da tarde.

O “vernissage”, que teve seletos e numerosos visitantes, faz augurar que o Salão de 1925 terá bastante brilho.

O que se viu ontem deixa patente o carinho com que não só a comissão diretora, composta dos professores Baptista da Costa, Archimedes Memoria e Theodoro Braga, como todos os expositores, cuidaram da organização do nosso principal certame de arte. Os trabalhos expostos, já pelo valor quantitativo, já pela qualidade, causam agradável impressão, tendo-se também patente aos notáveis progressos dos novos e do aperfeiçoamento dos que já tiveram um nome consagrado em exposições anteriores.

A exposição está instalada em cinco grandes salões da escola e o seu júri ficou assim constituído:

Pintura: professores Rodolpho Amoedo, Lucilio de Albuquerque, Marques Junior, Rodolpho Chambelland e Timotheo da Costa [João Timotheo da Costa].

Arquitetura: Gastão Bahiana, Morales de los Rios, Raphael Galvão, Saldanha da Gama e Raul Pena Firme.

Gravura em medalhas e escultura: Corrêa Lima, Augusto Girardet, Petrus Verdier, Modestino Kanto e Magalhães Corrêa.

Artes aplicadas: Nereu Sampaio, A. Memória, Adalberto Mattos e Corrêa Lima.

Gravura e litografias: Modesto Brocos, B. Traidler [sic], Adalberto Mattos e Nereu Sampaio.

Para o prêmio de viagem, há, este ano, apenas seis concorrentes, que são, em pintura Sarah Villela de Figueiredo, Cadmo F. de Souza, Garcia Bento e Armando Martins Vianna, e em gravura de medalhas e pedras preciosas, Jorge Soubre e Francisco Gomes Marinho.

Entre os presentes ao “vernissage” estava o maharadja de Kapurtala, que examinou com atenção os trabalhos expostos e depois esteve alguns momentos no gabinete da diretoria da Escola, em palestra com os professores Baptista da Costa e Theodoro Braga.


Digitalização de Mirian Nogueira Seraphim

Transcrição de Arthur Valle

O SALÃO DE 1925. O "vernissage" de ontem na Escola de Belas Artes. Correio da Manhã, Rio de Janeiro, 12 ago. 1925, p. 2.

Ferramentas pessoais
sites relacionados