. O "SALÃO" - Inaugura-se amanhã a XXXIII exposição geral de Belas Artes. O Globo, Rio de Janeiro, 11 ago. 1926, p. 3. - Egba

O "SALÃO" - Inaugura-se amanhã a XXXIII exposição geral de Belas Artes. O Globo, Rio de Janeiro, 11 ago. 1926, p. 3.

De Egba

O "vernissage" de hoje

Com a presença de muitos artistas e de convidados realizou-se, hoje, às 13 horas, o "vernissage" da XXXIII exposição de Belas Artes, que constitui o "Salão" de 1926. Desde o primeiro instante ao edifício da Escola Nacional de Belas Artes, afluíram muitas pessoas, dando aspecto movimento à solenidade. Grande era o número dos artistas que davam o toque final às suas obras. O aspecto, em conjunto é excelente, podendo-se dizer que o "Salão" deste ano supera o do ano passado. Além das telas de mestres, como Chamberland [sic], Belmiro, Visconti, Selios [sic] [Helios], Lucilio de Albuquerque e outros, se destacam os novos, candidatos ao prêmio de viagem. Comparecem em trabalhos de evidência, Guttmann Bicho, Almeida Junior [Luiz Fernandes de Almeida Júnior], Pedro Bruno, Georgina Albuquerque, Príncipe Gargarino [sic] [Paulo Gagarin], além de mais alguns. Entre os novos notamos os esforços, dignos de nota, de Teruz, Osorio Belém, Manoel Constantino, Santiago [Manoel Santiago], Armando Faria [?], Sarah [Sarah Villela Figueiredo], Manoel Faria, Celso Kelly, André Vento, Edith Aguiar, Figueiredo Rocha [?], Vicente Leite e Candido Gusmão [sic], que é estreante e se apresenta com um retrato.

A inauguração oficial do "Salão", será amanhã, às 13 horas, com a presença dos Srs. presidente da República, ministro do Interior e altas autoridades, convidados e artistas expositores.

-

O pintor Guttmann Bicho, que figura no "Salão" com algumas telas de valor, sobre as quais falaremos em tempo, teve a ideia de representar um leitor do GLOBO [Imagem], de maneira que o conjunto constituísse, ao mesmo tempo, uma obra de arte. Esse quadro, que destacaremos entre os outros, por motivo especial, que facilmente se compreende, tem a virtude de consignar as expressões da maneira de Guttmann Bicho, que tem o seu nome inscrito entre os nomes dos mestres contemporâneos de nossa pintura.


Imagem

O quadro de Guttmann Bicho, em que se vê um leitor do GLOBO


Digitalização de Mirian Nogueira Seraphim

Transcrição de Vinícius Moraes de Aguiar

O "SALÃO" - Inaugura-se amanhã a XXXIII exposição geral de Belas Artes. O Globo, Rio de Janeiro, 11 ago. 1926, p. 3.

Ferramentas pessoais
sites relacionados