. NOTAS DE ARTE. Jornal do Commercio, Rio de Janeiro, 14 nov. 1922, p.9. - Egba

NOTAS DE ARTE. Jornal do Commercio, Rio de Janeiro, 14 nov. 1922, p.9.

De Egba

EXPOSIÇÃO DE ARTE CONTEMPORÂNEA E DE ARTE RETROSPECTIVA - Realizou-se ontem, às 2 horas da tarde, no edifício da Escola Nacional de Belas Artes, a inauguração das exposições de Arte Contemporânea e de Arte Retrospectiva, que fazem parte da Exposição Comemorativa do Centenário da Independência.

À cerimônia da inauguração compareceram o representante do Sr. Presidente da República e o Sr. Dr. Carlos Sampaio, Prefeito do Distrito Federal, que percorreram as vastas galerias, onde se acham arrumadas as obras expostas, acompanhados do Sr. João Baptista da Costa, Diretor da Escola e de diversos professores.

Numa rápida visita, como a que pudemos fazer ontem, é impossível dar uma ideia exata e desenvolvida do valor da atual exposição, uma das maiores, das que se têm realizado na Escola, e com um grande número de seções, a que concorreram quase todos os nossos artistas de nome feito e muitos artistas novos, que hão de chamar a atenção sobre si.

Faz parte da exposição uma seção de pintores belgas contemporâneos, entre os quais alguns dos de maior nome no seu país.

A exposição de arte retrospectiva, além dos objetos pertencentes a Galeria Nacional de Belas Artes, que são preciosos, se acham expostos numerosos objetos de valor, pertencentes a colecionadores particulares.

A arrumação e a disposição das obras da exposição fazem honra ao seus organizadores, devendo se salientar que as modificações por que passaram as salas do edifício da Escola deram-lhe condições excelente para esse fim. Não podemos por agora externar outra opinião senão de que há ali grande número de obras, em qualquer das seções, que impressionam agradavelmente o visitante, e que demonstram os grandes esforços dos nossos artistas durante o ano decorrido e o muito trabalho dos organizadores da exposição para reunir uma tão grande cópia de obras de valor.

Mais de espaço havemos de falar minuciosamente das diversas seções da exposição.


Digitalização de Mirian Nogueira Seraphim

Transcrição de Arthur Valle

NOTAS DE ARTE. Jornal do Commercio, Rio de Janeiro, 14 nov. 1922, p.9.

Ferramentas pessoais
sites relacionados